O que é Ceratocone nos olhos? Causas, Diagnóstico e Tratamento

15 de fevereiro de 2017

ceratocone

O Ceratocone é o nome dado à doença oftalmológica que resulta em uma redução da rigidez e da espessura da Córnea, a primeira e mais externa lente do olho. Em alguns casos, esse enfraquecimento faz com que a Córnea apresente um formato de cone, o que dá o nome à doença. A Córnea é uma das duas lentes naturais do olho (juntamente com o Cristalino), responsável em focalizar os raios de luz diretamente na Retina. A sua deformação leva a uma série de problemas como a Miopia e o Astigmatismo, visão embaçada, visão dupla e/ou sensibilidade à luz. Apesar de ser irreversível, essa condição tem tratamentos que ajudam não apenas na convivência com o problema, mas também a deter a sua progressão. Para entender mais, leia no artigo a seguir o que é Ceratocone nos olhos, quais suas causas e como é realizado o diagnóstico e tratamento.

Quais as causas do Ceratocone

O Ceratocone apresenta um componente genético, hereditário: quem apresenta casos na família, especialmente em parentes de primeiro grau, têm mais predisposição de desenvolver esta doença. Com frequência, o Ceratocone está presente em pessoas alérgicas e a sua ocorrência aumenta nos pacientes que costumam coçar os olhos.

Outras causas do Ceratocone ainda não estão completamente definidas, embora já se saiba que ele acontece mais frequentemente em adolescentes e adultos jovens.

Por que coçar os olhos pode induzir e piorar o Ceratocone?

O ato de coçar os olhos (principalmente de forma copiosa, com força) tende a enfraquecer a rigidez natural da Córnea, facilitando a sua deformação. O Ceratocone aparece com maior freqüência nos pacientes que tem Conjuntivite alérgica e a doença é acelerada pelo coçar dos olhos.

Existem colírios antialérgicos que amenizam a coceira e estes devem ser usados nos pacientes com alergia, principalmente na Primavera para pacientes alérgicos ao pólen. Crianças e adolescentes alérgicos devem ser medicados dessa maneira para evitar o aparecimento do Ceratocone ou reduzir sua progressão.

Quais são os tratamentos?

O único tratamento que impede a progressão do Ceratocone é o Crosslinking. Os demais tratamentos visam amenizar as distorções criadas pelo Ceratocone na Córnea, buscando uma melhora na qualidade da visão.

O Crosslinking fortalece as fibras de ligação de colágeno da Córnea, evitando sua deformação. Uma aplicação de raios UV com a Riboflavina (Vitamina B2) é suficiente para a o fortalecimento das ligações das fibras de colágeno, estabilizando a doença e evitando sua progressão.

Portanto, o Crosslinking faz um enrijecimento da Córnea no formato em que ela se encontra. Com isso, novas deformidades não surgirão, mas as antigas continuarão a causar deformidade das imagens. Para evitar isto, o tratamento de Crosslinking sempre é feito no IOC após uma aplicação de laser que irá corrigir ou amenizar as distorções existentes na Córnea para que a visão seja melhorada antes que o enrijecimento da Córnea aconteça. Este tratamento personalizado com laser é guiado através dos exames de Topografia de Córnea que geram mapas de relevo para orientar ao laser as áreas de aplicação.

Outro tratamento para o Ceratocone são os Aneis Intraestromais, próteses acrílicas implantadas no interior do tecido corneano, que diminuem as deformidades criadas pelo Ceratocone, melhorando a visão e reduzindo sua progressão.

Áreas mais curvas serão aplainadas e áreas mais planas são encurvadas onde se faz necessário, trazendo o centro da córnea para um formato mais regular, o que permite uma melhor visão e possibilita que os óculos passem a contribuir com a qualidade de visão perdida pelas distorções do Ceratocone.

Após a correção do laser, o Crosslinking irá fortalecer a Córnea no seu novo e mais regular formato, estabilizando a evolução do Ceratocone. A combinação desses dois tratamentos melhora consideravelmente a qualidade da visão e impede a progressão do Ceratocone.

E os transplantes de Córnea?

Casos muito avançados de Ceratocone ainda necessitam de um transplante de córnea. Porém, hoje os transplantes são muito menos frequentes do que já foram há 10 anos, depois que o Crosslinking foi criado.

O Ceratocone é uma doença com causas ainda pouco conhecidas, mas que pode causar impactos bastante intensos na visão. Se você apresenta sintomas de Ceratocone e redução da visão, deve buscar uma equipe de oftalmologistas experiente, que poderá realizar o seu diagnóstico e tratamento da melhor forma. O IOC apresenta uma equipe qualificada e especializada em Ceratocone e uma tecnologia pioneira no tratamento dessa doença.

Realize seu agendamento de consulta através do formulário abaixo e nossa equipe poderá entrar em contato. Estamos aguardando por você!

 

Vamos agendar
a sua consulta?