O que a saúde dos olhos e visão tem a ver com dor de cabeça?

Atualizado em: 6 de agosto de 2017

Um dos primeiros sintomas a indicar que há algo de errado com a saúde dos olhos é a dor de cabeça. Em muitos pacientes ela aparece depois de um dia de leitura excessiva ou de um período prolongado em frente ao computador. As queixas são comuns e podem atingir homens, mulheres e crianças. Há pacientes que chegam a relatar dor nos olhos, mal-estar, enjoos e outros sintomas, sem descartar as dores de cabeças.

Muitos chegam a procurar ajuda médica em neurologistas ou profissionais de outras especialidades. Acabam sendo encaminhados ao oftalmologista, onde irão começar a tratar a causa do problema.

Possíveis problemas

Os pacientes com dores de cabeça por conta de problemas na visão costumam apresentar dificuldade de concentração, irritabilidade e indisposição. Na maior parte dos casos acordam bem, iniciam suas tarefas, e ao longo do dia começam a apresentar os sintomas. As queixas podem revelar condições como miopia, astigmatismo, hipermetropia e estrabismo latente. Todos esses problemas podem ser facilmente corrigidos com o uso de lentes corretivas, ou seja, óculos. A partir do momento em que paciente começa a usar os óculos como recomendado, os sintomas desaparecem.

Em casos mais raros, o glaucoma pode ser a causa da dor de cabeça. Sua principal característica é aumentar os níveis de pressão ocular e ao longo do tempo degenerar o nervo ótico, causando cegueira irreversível. A dor de cabeça aparece como sintoma pois a pressão ocular alterada é o fator desencadeante.

Em geral, as pessoas que sofrem com o glaucoma, tendem a notar as crises de dor de cabeça logo pela manhã, diferente das pessoas acometidas por outras condições que prejudicam a saúde dos olhos. Isso ocorre pois é nesse período em que a pressão ocular atinge seu pico.

Comece a cuidar da saúde dos olhos

Depois de diagnosticado o problema, é preciso seguir à risca o que o médico indicou. Na maioria das vezes, os pacientes abandonam o uso dos óculos durante o período de adaptação. É comum que algumas pessoas sintam certos desconfortos ao usar os óculos pela primeira vez, mas, isso não é razão para continuar sofrendo com a dor de cabeça. A indicação é insistir um pouco mais, até que os olhos se acostumem com o grau indicado. Em alguns casos, os oftalmologistas podem prescrever colírios, para que o paciente se sinta mais confortável.

Em casos mais delicados, pode ser sugerida uma cirurgia para correção do problema. O conselho para o paciente é não descartar essa possibilidade logo de cara, e ouvir o que médico sugere. Às vezes, a cirurgia pode pôr um ponto final ao desconforto que o acompanha há anos e pode ser o único modo de voltar a ter em plenas condições a saúde dos olhos.

Acompanhamento e manutenção

Seja qual for a indicação, é preciso que o paciente mantenha uma rotina de cuidados com a saúde dos olhos. Isso envolve consultas periódicas ao oftalmologista e troca das lentes sempre que for necessário. É possível, que ao longo do tempo com o uso dos óculos, o grau sofra alterações, por isso, acompanhamento é fundamental.

Você sente muitas dores de cabeça? Já consultou um oftalmologista para saber se a causa de suas queixas pode estar relacionada à saúde dos olhos? Não deixe de buscar profissionais capacitados para conseguir o diagnóstico correto.



Vamos agendar
a sua consulta?

(41) 3322-2020

clique para ligar

Entre em contato

    Dúvidas? Converse conosco ao vivo
    Dúvidas? Converse conosco ao vivo
    Seja bem-vindo(a) ao IOC. Como posso lhe ajudar?
    Conectando...
    Nenhum dos nossos operadores estão disponíveis no momento. Deixe sua mensagem abaixo e responderemos por email assim que possível.
    Nossos operadores estão ocupados. Por favor, tente novamente mais tarde
    :
    :
    :
    Você tem uma dúvida? Escreva para a gente!
    :
    :
    Esta sessão de chat foi finalizada